quarta-feira, 6 de julho de 2011

DEMOCRATICIDADE

Joaquin Sorolla


Democraticidade …
A democraticidade garante o sufrágio universal e secreto sem o qual não há Democracia digna desse nome mas ele não é, em si mesmo, suficiente para a garantir:
Eleito não é, apenas, aquele que por sua via se torna elegível mas, também, aquele que por seus méritos, méritos esses associados à defesa da Democracia, se consagra.
A democraticidade garante a democratização do Ensino que deverá ser universal e tendencialmente gratuito, mas ela não é, em si mesma, suficiente para a garantir:
Implica, ela também, o tratamento diferenciado, isto é, que não se trate de forma igual o que é, por sua própria natureza, desigual.
A democraticidade garante igual acesso à Cultura mas nesse igual acesso aos bens culturais, sob pena de ele se tornar desigual, há que garantir:
Tratamento diferenciado em função das provas dadas que logo se aferem pelos conteúdos dos bens culturais criados.
A democraticidade aplicada nestas que diria serem as suas três vertentes axiais e já para não falar dos direitos ao emprego e à saúde sem os quais elas não são almejáveis, implica, ela também, a democraticidade nas suas vertentes económica e financeira:
As derivas em que estas duas últimas vertentes, por hipótese, descambem, não poderão afectar a prossecução daquelas outras que sendo axiais, a elas as sobrelevam.
Nem só de pão vive o homem e a acharmos que sim, não o realizando, tão pouco, a esse desidério, estão criadas as condições de fazer regredir a Democracia não sei para que recuado patamar …
Este é um desafio que se põe à Comunidade Internacional no seu conjunto e que não há como contorná-lo.
Eu a ele Vos desafio!
De outro modo acabará por imperar a ditadura dos números o mesmo é dizer … uma qualquer e ainda que subliminar e sinuosa ditadura!





Jaime Latino Ferreira
Estoril, 6 de Julho de 2011

17 comentários:

. intemporal . disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fézada disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jaime Latino Ferreira disse...

PAULO


Meu Querido Amigo,

... um grande Abraço


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 7 de Julho de 2011

Jaime Latino Ferreira disse...

FEZADINHA


Canito,

Pulguento mesmo mas, certo é, as pulgas também têm direito à vida!


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 7 de Julho de 2011

Jaime Latino Ferreira disse...

DEMOS I


39 345 = + 85 visitantes!


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 7 de JUlho de 2011

BRANCAMAR disse...

Absolutamente de acordo, a ditadura dos números já muitos a sentem na pele, senão vejamos:
porque se reduzem recursos humanos nas empresas? Nem sempre por dificuldades económicas das mesmas, mas também porque já não são tratados como pessoas, mas como custos a abater, na mira de um maior lucro, portante "são números". Já nem importa muito se o cliente é bem atendido ou não, o cliente deixou de ser "aquele que tinha sempre razão" e passou para o plano daquele que está sempre dependente da publicidade e de todo o tipo de pressões, das filas de espera e da sobrecarga que os poucos funcionários de um qualquer serviço têm que suportar, a custos cada vez mais reduzidos, nem sempre conseguindo fazer o melhor.

E agora que venha a MALTESE GOAT, mé, mé, para desanuviar esta conversa deprimente. Talvez ela tenha uma solução para a procura que o mundo atravessa de uma nova forma de estar, de uma nova forma de fazer política, talvez de uma nova ideologia, ainda por inventar.

Os animais têm o que de melhor nós perdemos.

Beijinhos Jaime.
Branca

Jaime Latino Ferreira disse...

BRANCAMAR


Querida Amiga,

Deixe lá as ideologias que já as há que baste e, sobretudo, a Maltese Goat que isto aqui não são escarpas para que as cabritas andem por aí a pejá-las de caganitas!!!

Um beijinho de boa noite


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 7 de Julho de 2011

BRANCAMAR disse...

Jaime,

Que me fez terminar o serão a rir tanto!
Realmente quanto a ideologias acabo por lhe dar razão, mas dá-me a impressão que já não há quem as tenha, no entanto o que realmente importa é o espírito de serviço e de entrega, o que também não se vislumbra.

Beijos
Branca

ki.ti disse...

Caganita sou eu e não permito que me ofendam!
Blá, blá, blá com a democracia e depois insultam os bichos, está mal...

ki.ti

ki.ti a verdadeira

Jaime Latino Ferreira disse...

BRANCAMAR


Minha Querida,

Quanto ao espírito de serviço que o mesmo é dizer de entrega ... pela minha parte muito obrigado!

Quanto ao mais, ainda bem que a fiz rir!

Beijinhos


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 8 de Julho de 2011

Jaime Latino Ferreira disse...

KI.TI


Quanto a ti.ki ( não sei porquê mas, ultimamente, sempre que te trato por tu dá-me a sensação de passar para uma qualquer dimensão simétrica a esta, talvez o outro lado do espelho ) tens toda a razão, democracia ou é para todos ou não é para ninguém!


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 8 de Julho de 2011

BRANCAMAR disse...

Jaime,

Quando disse que não se vislumbra o espírito de serviço, referia-me mais a grande parte da classe política, o Jaime sabe, felizmente ainda há muitos espíritos generosos, que são a esperança para os males do mundo, se não fosse assim mal de nós.

E, os animais são nossos amigos...já dizia o avô cantigas e parece que gostam muito do Jaime...

Beijinhos
Branca

Jaime Latino Ferreira disse...

BRANCAMAR


Querida Amiga,

Classe política ... que entidade será essa, estanque, qual casta, se a todos nós nos não poder integrar!?

Então mal estaríamos ...!

Quanto aos animais, já o disse, que venham a mim!!!

Um beijinho


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 8 de Julho de 2011

BRANCAMAR disse...

Claro que todos fazemos política e que não podemos nem devemos estar sempre à espera do Estado paternalista, mas o facto é que essa "casta" existe, para nosso mal.

Beijinhos Jaime

Jaime Latino Ferreira disse...

BRANCAMAR


Não há fome que não dê em fartura!

Sabe, são mais as vozes do que as nozes ...!

Beijinhos


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 8 de Julho de 2011

manuela baptista disse...

a frieza, a ditadura e a falsidade dos números

se nos afastarmos irremediavelmente da razão de ser das democracias, nada valerá a pena

Educação, Ensino, Saúde, Cultura, varridas das sociedades, fazem delas comunidades assassinadas e dos assassinos, entidades impunes e imunes

desafiemo-nos pois!

manuela

Jaime Latino Ferreira disse...

MANUELA BAPTISTA


Bravo!


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 8 de Julho de 2011