quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

O PRIMADO DA LÍNGUA - I -

Ilustração alusiva ao primeiro de Dezembro de 1640
-

Neste dia primeiro de Dezembro em que se celebra a restauração da independência de Portugal e o fim da dominação filipina, impregnando a celebração de actualidade, volvidos que são trezentos e setenta anos sobre o ano de 1640 em que estes acontecimentos tiveram lugar, sugere-me a data, tão só, erguer o primado da nossa língua sobre todas as contingências que no passado, tendo tido lugar e expurgada a data de todos os chauvinismos patrioteiros, ajudaram a que esta se moldasse tal como nos chegou à actualidade e não de outra maneira, fosse ela qual fosse.
O primado da Língua ...!
Num tempo em que outras e talvez não tão claras contingências interpelam as nossas soberanias tanto singulares como colectivas, não é demais erguer a língua portuguesa a par do conjunto das línguas vivas e elas acima de tudo como os lugares pátrios onde, criando as nossas autonomias, às nossas soberanias também as consolidamos.
É no primado da Língua que números e tudo o mais assumem a sua identidade própria!
É no primado da Língua, das línguas, que se reforça a diversidade imprescindível na afirmação de uma identidade colectiva
que hoje só faz sentido se o for global também!
É no primado da Língua que se eu sei quem sou, sei também quem tu és, fales que língua falares, nas diferenças que se nos imunizam também nos complementam, num Mundo que se é uno só pode ser diverso e enriquecedor!
No primado da Língua, das línguas, o mesmo é dizer da Cultura, somos todos mais fortes e, seguramente, melhores!
Neste primeiro de Dezembro em que se evoca, também, o Dia Mundial da Sida, no primado das línguas e da Cultura, vias de comunicação de excelência e nossa Casa Comum, importa, sobremaneira, reiterá-las!
Tudo o resto são ... minudências!
-
Going Home
-
Jaime Latino Ferreira
Estoril, 1 de Dezembro de 2010

8 comentários:

. intemporal . disse...

.

. do en.carnado sangue que nos per.corre as veias, também, as da poesia .

.

. deixo.Lhe um ABRAÇO de dentro .

.

.

.

. querido amigo, Jaime .

.

.

Jaime Latino Ferreira disse...

PAULO


Meu Caro,

Acabei de pedir à Manuela que lhe telefonasse porque tinha para Lhe dizer o que acabei por Lhe enviar por mail, em resposta às informações que, por essa mesma via, me facultou.

O telemóvel não estava disponível ...!

De facto, não fora a chamada de atenção que o Meu Amigo acabou de editar em Terraços de um Anjo, Luto, e eu não teria associado a evocação mundial da Sida ao dia da Restauração da Independência como aqui o faço evocando, nada casuisticamente, o primado da Língua ...!

Pelo facto Lhe estou agradecido nesta nossa Amizade prometedora!

Um grande Abraço


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 1 de Dezembro de 2010

manuela baptista disse...

no primado da língua me restauro

é ela a pátria do meu país

em tudo o mais somos iguais
vermelhos rios
afluentes convergentes

we are going home, yes we are!

manuela

Jaime Latino Ferreira disse...

MANUELA BAPTISTA


Yes we go
because we are


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 1 de Dezembro de 2010

Jaime Latino Ferreira disse...

HOME I


15 880 = + 85 consultas ao meu blogue!


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 1 de Dezembro de 2010

Maria João disse...

Jaime

Meu amigo


Do que nos une e tantas vezes, em simultâneo, nos afasta...

- O primado da Língua como elemento matriz dos povos e culturas ( simbolos de união e coesão)

- A comunicação, códigos que nem sempre utilizamos da melhor forma..

Isto a propósito do Dia da Restauração e do Dia Mundial da Sida.

Beijinhos

Jaime Latino Ferreira disse...

MARIA JOÃO


Querida Amiga,

Sim, é certo, códigos que nem sempre utilizamos da melhor forma, mas sendo o elemento matriz dos povos e das culturas, a Língua é o que permite criar pontes, unir e tornar coeso.

Reforçar imunidades ...!

Um beijinho


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 2 de Dezembro de 2010

Jaime Latino Ferreira disse...

HOME II


15 955 = + 75 consultas nas últimas 24 horas!


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 2 de Dezembro de 2010