domingo, 8 de março de 2009

PSALTERIUM


Mulher é o saber
Caixa de pandora
Namora
És o meu amanhecer
Não tem fundo o teu olhar
E ao por-se
Mesmo ao dormir
Mais me espanta ao tocar
Em todas as cordas
Vibrar
No teu andar
Tão leve
Etéreo
Harpa no meu altar

Tens o toque de um saltério
Lágrima tua a chorar
Que não se recusa a dar
Doce regaço teu estar
És ar
O que nos canta a rezar
Mulher
És meu amor
Tens o mar
És a vontade sem par
És claridade
O sabeis
A mim me deste
O criar


( No Dia Internacional da Mulher )

http://www.youtube.com/watch?v=W9APMU2jXJE

Jaime Latino Ferreira
Estoril, 8 de Março de 2009

17 comentários:

jaime latino ferreira disse...

NÃO POSSO DEIXAR PASSAR


Segundo a lei de Deus ( dixit !) o violador passa incólume e a vítima de estupro, para mais criança de nove anos e sua família, ao interromperem a gravidez por tal acto hediondo desencadeada tornam-se, aos olhos de um bispo senil, merecedores de excomunhão.

Passa-se esta clamorosa estória no Brasil!

Vade retro satanas, senhor bispo, devia ter vergonha na cara!!

Misógeno para não dizer pior, pois que de uma criança se trata, cúmplice, por tal, de pedofilia, o senhor padre é que devia ser excomungado!!!

Enredada em tais cumplicidades inomináveis, uma certa igreja símbolo de um poder machista, prepotente e caduco, insiste em dar os seus inqualificáveis estertores que contra a própria Igreja, inevitavelmente, se viram.

Tenha vergonha que Cristo, se pudesse, expulsaria hoje e ainda com maior veemência os vendilhões como o senhor, do Templo.

Basta!


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 7 de Março de 2009

jaime latino ferreira disse...

E MAIS ( + )


Ao escrever o comentário anterior dei-me conta do seguinte:

Uma certa igreja ( escrevo-a com minúscula por não a querer confundir com Aquela merecedora de um I maiúsculo! ) cegamente agarrada a uma tal e abstracta, não menos cega lei de Deus (!), que a salvaguardaria do relativismo, cai, com atitudes destas, no mais absoluto dos relativismos!

Politicamente, porque a Igreja não se isenta de sinais políticos, passa a valer tudo!

Pois que se dane a criança, eu nem sabia que uma criança podia, para não dizer deveria (!?) ser excomungada, em nome do projecto de outro projecto e que, se calhar, pressupõe ainda outro, talvez mesmo o projecto do diabo ...!

Uma vez mais, BASTA!!!


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 8 de Março de 2009

Filomena disse...

Bom Dia Jaime,

Sim, devemos dizer Basta!

Simplesmente macabro aquilo que se viu e ouviu sobre este caso!

É a completa desumanização de uma igreja que devia estar virada para os inocentes desfavorecidos( neste caso uma criança de nove anos). Não há palavras.

Vou, com a sua licença transportar o seu poema e o do Delfim, para o meu blogue.

Um beijinho para Si e para a Manuela.

Filomena

jaime latino ferreira disse...

BASTA


É como aquele caso de uma rapariga em estado vegetativo há anos e ligada irreversivelmente a uma máquina a quem esta não deveria ser, mas foi, graças a Deus (!), desligada ...

Nada de mais natural!!!

Se Deus quizesse que ela não morresse, uma vez desligada a máquina ter-se-ía posto em pé e a andar.

Não foi isso que aconteceu!

Deus lá sabia ...

De loucuras relativistas, cada um toma a que quer, mas deixem os outros em paz e à humanística lei de Deus também!

EM NOME DA DECÊNCIA!!!


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 8 de Março de 2009

manuela baptista disse...

Belo Poema Jaime!

Em meu nome, no de todas as mulheres deste mundo e muito especialmente dar voz a uma futura mulher brasileira, menina no presente e que afinal só veio provar que os dias da mulher ainda são repletos de escuridão e de sofrimento.

Esse bispo, com letra minúscula tipo 0, da mesma forma que condenou será condenado, "não julgueis, para que não sejais julgados".

A sua atitude é moralmente condenável e deveria sê-lo também judicialmente, pois é dever de toda a sociedade civil e cristã proteger as suas crianças, afastar e prender os agressores e ser coerente com os Direitos das mesmas.

Esta é a igreja das Trevas, do Mal,dos falsos profetas, dos predadores espirituais, dos vendilhões do Templo!

E agora?! Aposto que este bispo não está sòzinho, tem muita companhia por este país fora...

Quem, de entre os seus pares tem a coragem de o enfrentar e ser imagem de Cristo?

Manuela Baptista

jaime latino ferreira disse...

ZERO


Meu Amor,

É isso mesmo, zero, nulidade, pesporrência, alma zangada de uma corte de fanáticos refugiados na ambiguidade, quando não ambivalência (!), ressaibiada com a vida que se quer Vida e mesmo aqui e agora já!

Pudera, não A teve ...

...ou terá tido, fechado no armário!???


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 8 de Março de 2009

manuela baptista disse...

O Diário da Mulher I

Filomena,

Adoro cozinhar! Um dos meus filmes preferidos é "A Festa de Babette", onde à volta de pratos requintados e cozinhados com amor, os personagens se soltam e se aproximam uns dos outros. Emudecemos perante a generosidade de Babette, que gasta todo o seu dinheiro demontrando que existe Vida para lá da frugalidade do dia a dia!

E também gosto imenso do Jamie Oliver, tenho os livros todos, e especialmente de o ver na TV.

Ele transformou a culinária emperuada, numa coisa simples, viva, divertida, e muito cuspida.
O seu marido tem razão, mas quem é que tem dúvidas, que um bom cozinheiro deita sempre perdigotos na sua própria comida?

Ele perdigota, não lava os coentros nem as mãos e embora seja muito verde e biológico dispara uns tiros na passarada e a seguir cozinha-os à maneira. Tudo isto com a sua hiperactividade característica balançando ora num pé ora no outro.

It's fantastic!!

Manuela Baptista

manuela baptista disse...

Ana Cristina, onde é que anda?

Temos saudades suas!

MB

Filomena disse...

Ai, Manuela!

É isso tudo!
Rio-me com ele, é verdade!
Mas gosto do amor e da garra que coloca em tudo o que faz.
Sigo muitas das receitas dele e ficam sempre bem.

" A festa de Babete" é um filme e tanto. Eu também gostei e muitas vezes revejo-o, uma vez que o gravei.

Realmente! Onde pára a Ana Cristina?

Talvez num qualquer lugar paradisíaco e não nos quis dizer para não nos retorcermos.

Beijinhos

Ana Cristina disse...

Meus queridos amigos

Ando por aqui sempre a par do que vão escrevendo e com uma vontada danada de vos comentar.

Mas a desvitalização de um dente anda a dar-me voltas à cabeça e a tirar-me toda a vontade que não seja a de me enroscar no sofá e ficar ali sossegadinha a dormitar.

Mas não perdem pela demora.

Eu volto mal os efeitos dos antibióticos e a recuperação deste famigerado dente esteja a acalmar!

Recebi um mail da minha irmã, cuja última frase diz muito relativamente a tudo quanto se vai passando e que o Jaime,tão bem, aqui vai retratanto:

"Entre um governo que faz o mal e o povo que o consente, há uma certa cumplicidade vergonhosa".

(Victor Hugo)

Poema lindo,Jaime,em todos os dias,...não sou muito fã do dia da Mulher nem dos outros dias específicos sejam do que fôr, já que apenas se baseiam em cartas de intenções e nunca em atitudes verdadeiramente assumidas.

Ai o meu dente ;))))
Eu volto,não tarda.
Esperem por mim.

1 grande abraço com muita amizade.
Ana Cristina/Nini

manuela baptista disse...

O Diário da Mulher II

Afinal o lugar paradisíaco onde a Filomena já imaginava a Ana Cristina, era... a cadeira do Estomatologista!

Espero que,pelo menos, seja um homem bonito, além de bom profissional claro!

Os Tertulianos agradecem sempre os comentários da Ana Cristina.

Um beijinho e as melhoras.

Manuela Baptista

Brancamar disse...

Obrigada Jaime,

Pelos lindos poemas que nos deixa e pelo bom gosto na maravilhosa música escolhida, pelos diversos e mais clássicos instrumentos de cordas, sobretudo pelos mais medievais de que muito gosto.
Quanto ao caso da menina Brasileira, pois, está tudo dito por vós.
Afinal, aí sim, continuamos num mundo medieval não de bela música, mas de mentalidades bárbaras e inquisidoras.
Volto a este cantinho com muito prazer e deixo um abraço para todos.
Branca

jaime latino ferreira disse...

DE FIO A PAVIO


Serve esta minha comunicação para informar quem me visita que a página que se vai seguir consiste na edição da trilogia BASTA que reúne os três comentários que aqui coloquei e que envolvem interpelando-A, a Igreja.

Achei que, o que escrevi, não podia ficar escondido nos bastidores desta caixa como se me tolhesse algum temor ...

Reafirmo-o e, por isso, o vou editar!


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 8 de Março de 2009

jaime latino ferreira disse...

PEDIDO DE DESCULPAS


Às minhas visitantes, à Ana Cristina que já julgava cansada de me aturar e à Branca e todas que sempre revejo com muito gosto, queria desculpar-me por talvez andar um pouco menos disponível para o social mas o que tenho em mãos, este fio que sigo está-me a exigir particular enfoque e dele me não posso dispersar.

Estejam, contudo, sempre à vontade, Vosso


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 8 de Março de 2009

Brancamar disse...

Jaime,

Acho muito bem que se enfoque nesta questão fulcral que interpela a Igreja, já que temos que ser agentes activos da sua transformação. Espero então pela página seguinte, será que posso entrar na vossa tertúlia? Nem sempre estarei à altura,mas farei os possíveis.
Às vezes ando desaparecida mas não esquecida, outras solicitações me arrastam por um tempo que não me sobre, mas podeis ter a certeza que sempre que posso volto.
Volto sempre.
Beijos.
Branca

Brancamar disse...

Errata do comentário anterior:
"sobra" e não "sobre" ou seja "por um tempo que não me sobra".

Ana Cristina disse...

Jaime

Desculpasa aceites, mas mantenha o seu rumo, que devo dizer está bem traçado nos post que dedica à Igreja.

Será que nessa organização ninguém se indigna e vem a público pedir desculpa e repôr a dignidade, depois de uma atitude tão abjecta e irreal?
Ou será que essa atitude é afinal a predominante e como tal integrada como correcta?

Ai o meu dente, se assim fôr!

Beijinhos.
Até amanhã.

Ana Cristina