quarta-feira, 13 de maio de 2009

CHAPELADA

Quis deixar passar o dia treze e assim fazer assentar as poeiras das minhas Guerras como o escreve com maiúscula a Filomena, dando também azo e espaço a que as reflexões se distendessem e desentorpecessem.
O último comentário da Filomena fez-me, porém, antecipar os movimentos, não fosse tudo descambar ...
Afinal, a provocaçãozinha ou o avacalhar não têm de ser inimigos da reflexão mais profunda que, longe de mim, não visa intimidar ninguém.
E da brincadeira não resulta, necessariamente e como se vê, a falta de respeito.
Alimento, aliás, sempre a esperança que reflexão profunda, longe de poder ser factor de contenção ou constrangimento, pelo contrário, desencadeie a reflexão viva, a polémica, porque não (!?), a discussão sem a qual, dificilmente se poderá fazer luz acrescida.
E agradou-me, olhando para a caixa de reflexões da página anterior, não apenas os comentários produzidos como também os cambiantes que progressivamente conduziram à brincadeira a que, não menos rica e sintomática, as minhas amigas estão sempre prontas e a que eu, confesso-Vos, também não resisto.
Chapéus há muitos e cada qual enfia os seus!
-
-
Jaime Latino Ferreira
Estoril, 14 de Maio de 2009

11 comentários:

manuela baptista disse...

Saí com sapatos e entro com chapéus e Rossini.

Os chapéus também fogem das caixas, tenham cuidado, muito cuidado...

Até amanhã,Tertulianos.

Manuela Baptista

"Este é um nó"...quê?
O meu Italiano não dá para mais!Mas que é giro é, parecem sombras chinesas.

jaime latino ferreira disse...

MANUELA BAPTISTA


Minha Querida,

Investiguei e embiquei sempre no avviluppato!

Se atendermos à saída airosa que me conduziu a esta página então atrevo-me a dizer e até porque a ópera bufa de Rossini, Cenerentola ou Cinderela, quando aqui chega já está no seu desfecho, atrevo-me a dizer, escrevia, que este é um nó que se desfaz ...

Que se resolve e onde, finalmente, foram felizes para sempre, com chapelada ou sem ela ...


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 14 de Maio de 2009

jaime latino ferreira disse...

BRANCAMAR


Minha Querida Amiga,

Venha, vanha para esta página e aligeiremos também sob pena de a hecatombe, como lhe chama, se tornar um fardo dificilmente suportável, superável ainda menos!

Não se chega lá apenas no sublinhar da severidade dos tempos!!

Venha e usufrua esta belíssima ária de Rossini!!!

Um beijinho e boa noite para todos


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 14 de Maio de 2009

Filomena disse...

MAGISTRAL AMIGO!

E agora é que digo Bom Dia!

É por isto que eu Gosto De Si!

Vou ouvir a ária e volto... bem hoje não devo voltar.Depois das aulas tenho formação e só venho para casa por voltas das 22h.

Ande lá Amigo Jaime, continue a coçar onde é preciso!

Beijos às Meninas que ainda devem estar a sonhar com sapatinhos, cremezitos, lindos chapéus e músicas de embalar.


Filomena

Jaime Latino Ferreira disse...

COÇAR


Coço
Coço
No meu estar
Sigo aquilo que oiço
Não me inveja o teu cantar
Eu não páro de sonhar

Coço
Coço
O que no ar
Não regateio em dar
O que oiço se é meu é Vosso
É um nó a desatar


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 14 de Maio de 2009

manuela baptista disse...

INVEJA DE CINDERELA

Eu quero um chapeo
E um bonet
Que seja bonito
E fale francê
Umas jardineiras
Um combóio em U
Um sapato de cristal
Um príncipe astral
Uma ária ao depique
E um passeio
Em Munique

Manuela Baptista

jaime latino ferreira disse...

EI


Minha Querida,

Príncipe já tu tens ...!


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 14 de Maio de 2009

Ana Cristina disse...

Jaime

Isto é o que se chama uma principesca auto-estima!

Bjis :) da
Nini

...bis morgen!

Jaime Latino Ferreira disse...

NINI


Meine Freundin,

Ja wohl!!!

Tchüss


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 14 de Maio de 2009

manuela baptista disse...

...ao "depique"?

...estava com os olhos em bique concerteza!

Quanto à auto estima, a Nini caçou-te, meu príncipe...

Ó meninos, olhem que o meu Alemão é pior que o meu Italiano!

Aufiderzin?

MB

jaime latino ferreira disse...

MANUELA


Amada minha,

Caçado ou não:

Auf wieder sehen!

Tens mas é os olhos a pique ...!


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 15 de Maio de 2009