quinta-feira, 13 de agosto de 2009

CANÍCULA

As praias cobertas estão
da raia em turbilhão
banham-se as gentes no mar
nos rios frescos a cantar
-
É o Verão que tem para dar
todo o calor e bem estar
de um tempo que corre chão
antes de vir o senão
-
De um ano de sufocar
sem tempo para dar a mão
nem tão pouco para amar
-
Euforia depressão
sem tempo ter para pensar
sem Lua nem Sol nem razão
-
-
Jaime Latino Ferreira
Estoril, 13 de Agosto de 2009
Estoril, Tamariz, aguarela, Chalet Barros

6 comentários:

manuela baptista disse...

Já desenhei este Castelinho (chalet?) em noite de chuva de estrelas!

Ainda lá mora uma velha senhora que às vezes aparece discretamente na varanda.
Deve ter uma história para contar...

A Praia, na praia.

Manuela Baptista

Jaime Latino Ferreira disse...

MANUELA


Pois é, já desenhaste mas ainda não temos os instrumentos que nos permitam transpor desenhos, fotografias e sabe-se lá que mais para aqui ...

Deixa lá e a seu tempo!


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 14 de Agosto de 2009

Filomena disse...

Meninos!
Então não têm instrumentos?
E uma máquina fotográfica?
Tiram a foto e pronto, depois é só colocar no blog.
Tcharan!

Beijos e o poema está muito bonito!
tenho saudades da nortada.

Filomena

Jaime Latino Ferreira disse...

FILOMENA


Pois não, se não havia de ver, nem uma reles máquina fotográfica digital, veja lá ...!

Tcharan!?

É assim que a nortada é conhecida aí para as Suas bandas!???

( ah, ah, ah (rsrsrs))

Beijinhos


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 14 de Agosto de 2009

Filomena disse...

Jaime!
Eu sou mais KKKKKKK, não se lembra?


Beijinhos

Jaime Latino Ferreira disse...

FILOMENA


Minha Querida,

Também me está a desafiar para um duelo ...!?

Hmmmmm


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 14 de Agosto de 2009